Fechar

Geral

Anúncio

Piloto de avião ucraniano avisou que tinha sido atingido por míssil

Publicado por Agência Estado , 07:37 - 04 de fevereiro de 2020

O Irã anunciou ontem que não compartilhará mais provas com a equipe da Ucrânia que investigava a derrubada de um avião no mês passado, em que 176 pessoas morreram, nos arredores de Teerã, depois do vazamento de uma gravação. O fim da colaboração foi motivado pela divulgação pela imprensa de uma gravação de conversa do piloto da aeronave com os controladores aéreos iranianos, no momento da derrubada.


O diálogo, em que o piloto avisa que um míssil atingiu o avião, desmonta a versão do Irã de que não sabia que a aeronave da Ukraine International tinha sido abatida. "Eles sabiam desde o início que o avião foi derrubado", disse o presidente da Ucrânia, Volodmir Zelenski. (com agências internacionais)


As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Bloco de Imagem

Foto: Wana News Agency via EBC

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo