Fechar

Geral

dinamite

Bomba da 2ª Guerra faz cidade da Itália retirar 54 mil pessoas

Publicado por Agência Estado, 08:50 - 16 de December de 2019

A cidade de Brindisi, no sul da Itália, retirou ontem de casa 54 mil moradores durante uma operação para desativar uma bomba britânica da 2ª Guerra. Foi o maior deslocamento do tipo no país desde o fim do conflito, em 1945. O artefato tem 40 kg de dinamite, mede um 1 metro de comprimento e pesa mais de 200 kg. Ele foi encontrado no dia 2 de novembro durante a reforma de uma sala de cinema.


Em um raio de 1,5 km ao redor do local onde a bomba foi encontrada, todos os habitantes tiveram que deixar suas casas, enquanto em um perímetro de 500 metros, o gás foi cortado. Mais de mil membros das forças de segurança e 250 voluntários da Defesa Civil participaram da operação, que foi finalizada no mesmo dia.


A bomba foi desativada por uma equipe do Exército, que irá detoná-la hoje em um local isolado. Segundo a agência de notícias AGI, a operação, que afetou mais da metade dos moradores da cidade de 87 mil habitantes, começou no sábado com a transferência de 217 detidos da prisão local para outra penitenciária em Lecce, a 38 km de distância. O aeroporto e a estação ferroviária de Brindisi foram fechados. O governo local também precisou esvaziar dois hospitais e bloqueou as estradas. Para conter eventuais assaltos às casas vazias, a polícia colocou cinco drones para patrulhar a cidade.


Operações do tipo são comuns na Europa. Em fevereiro, o aeroporto de Ciampino, em Roma - segundo mais importante da capital italiana e muito usado por companhias aéreas de baixo custo -, foi fechado temporariamente após a descoberta de três bombas da 2ª Guerra. Elas pesavam juntas 150 kg e tinha cerca de 75 kg de pólvora. Os três artefatos foram localizadas durante as obras de manutenção da área onde as aeronaves estacionam. (Com agências internacionais)


As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Bloco de Imagem

Foto: Reprodução/italiaparabrasileiros.com

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo