Fechar

Maringá

Em 2018

Mais de 226,2 mil vacinas foram aplicadas

Publicado por Redação GMC,, 09:58 - 06 de Junho de 2018

A Secretaria de Saúde contabiliza 226.264 vacinas aplicadas, até maio deste ano, incluindo todos os públicos, vacinas e campanhas. Estão disponíveis mais de 15 tipos de vacinas nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Sala da Vacina. Conforme o calendário vacinal, as vacinas são divididas entre os públicos específicos atendendo suas respectivas demandas.


Para receber a imunização é necessário levar documento de identificação (RG ou CPF) e a carteira de vacinação. A carteirinha compõe todas as informações necessárias sobre data, local e qual vacina foi tomada. Após a aplicação da dose, também é fornecido um atestado que indica data de validade, sugerindo quando ir tomar nova vacina. Geralmente o período é pequeno para crianças, que recebem maior prevenção.


As vacinas são contra Tuberculose (Bacilo de Calmette e Guérin - BCG), poliomielite (VOP), varicela, sarampo/caxumba/rubéola/varicela (Tetra Viral), sarampo/caxumba/rubéola (Tríplice Viral), raiva, hepatite A e B, rotavírus, penta valente, pneumocócica 10 valente, meningocócica C, febre amarela, vírus do papiloma humano (HPV), dispepsia e tétano, e dTpa (difteria, coqueluche e tétano).


O mês de maio foi o que teve maior procura de vacinas, com 79.779 doses aplicadas. Esse número também envolve as campanhas de vacina da gripe (disponível até 15 de junho) e da dengue (até 29 de junho). Na sequência, o mês de abril (69.619 vacinas) e janeiro (31. 688 vacinas) tiveram maior vacinação.


A coordenadora de imunobiológicos da Secretaria da Saúde, Edlene Loureiro Aceti Goes, destaca que a vacina é a melhor forma de prevenção de doenças. “É importante seguir o calendário vacinal como forma de prevenção para não adoecer. O ideal é procurar as vacinas o quanto antes e garantir a imunidade”, diz.


Vacinas


Para crianças


*BCG: composta por bacilo de Calmette-Guérin, protege contra tuberculose. É oferecida dose única para recém-nascidos, com mais de 2 quilos.
*Vacinas poliomielite: composta pelos vírus da pólio tipos 1 e 3, protege contra paralisia infantil. É oferecida 3 doses e mais duas de reforço.
*Rotavírus: protege contra as gastroenterites causadas pelo rotavírus. A aplicação é via oral, em duas doses aos 2 e 4 meses
*Penta valente: protege contra difteria, tétano, coqueluche, meningite por Haemophilus influenzae tipo b e poliomielite. São 3 doses aos 2,4 e 6 meses, mais duas doses de reforço.
*Pneumocócica 10 valente: protege contra pneumonia, meningite, otite. Dose aos 2 e 4 meses - reforço 1 ano.
*Meningocócica C: protege contra a bactéria meningocócica C, que causa meningite. Dose aplicada aos 3 e 5 meses - reforço 1 ano.
*Febre amarela, dose única, 9 meses
*Hepatite A: protege contra infecção do fígado contagiosa, causada pelo vírus da hepatite. Dose única aos 15 meses.
*Varicela: também conhecida por catapora. São duas doses, aos 4 a 6 anos e 11 meses.


Para adolescentes


* Meningocócica C: protege contra a bactéria meningocócica C, que causa meningite. Para adolescentes de 11 a 14 anos. Dose única.


*HPV (Vírus do Papiloma Humano): meninas de 9 a 14 anos e 11 meses e meninos de 11 a 14 anos e meses. São duas doses com 6 meses de intervalo.
*Hepatite B: protege contra infecção grave do fígado causada pelo vírus da hepatite B.
* Febre Amarela
*Dispepsia e Tétano
Em adolescente é avaliado se não receberam as doses anteriormente.


Para adultos e idosos (caso não tenham recebido)


*Hepatite B: 3 doses
*Dispepsia e Tétano: 3 doses
*Febre Amarela: Dose única
*Tríplice Viral: protege contra sarampo/caxumba/rubéola (até os 29 anos são duas doses, dos 30 aos 39, somente uma dose - após os 39 somente em casos de indicação ou viagens).


Para gestantes: DTpa - para gestantes a partir de 20 semanas e Hepatite B
Para todos os públicos: vacina de raiva. Após mordida de cão/gato , o animal é observado por 10 dias e verificado a necessidade de vacina, é feita a aplicação.


Saiba mais


Coord. e Controle de Imunobiológicos
(44) 3218-3120 ou 3218-3116
Sala da Vacina
Av. Prudente de Morais, 885
das 7 às 17 horas

Bloco de Imagem

O mês de maio foi o que teve maior procura de vacinas, com 79.779 doses aplicadas. Foto: Cary Bertazzoni/PMM

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo