Fechar

Maringá

Além de 6 pacientes

Hospital psiquiátrico de Maringá tem 17 funcionários com Covid-19

Publicado por Monique Manganaro , 11:25 - 18 de maio de 2020

Bloco de Imagem

Foto: Google Street View

A Prefeitura de Maringá informou nesta segunda-feira, 18, que o Hospital Psiquiátrico tem, atualmente, ao menos 17 funcionários infectados pelo novo coronavírus. Conforme apurou a reportagem da CBN Maringá neste domingo, 17, pelo menos sete pacientes também já testaram positivo para a doença.


O hospital havia emitido comunicado informando que pacientes e funcionários do local seriam submetidos a testes. Isso porque, uma paciente vinda de Cascavel e internada em 5 de maio teve a confirmação de que estava com coronavírus. O resultado do exame foi liberado na sexta-feira, 15.


Segundo informações divulgadas pela assessoria de imprensa da prefeitura, o hospital mantém 50 pacientes isolados. As outras 162 pessoas que estão internadas serão testadas.


Além disso, 70 funcionários também estão sendo submetidos a exames. Desses, 60 já fizeram o teste e 27 resultados já foram liberados, confirmando a doença em 17 pessoas que trabalham em diversas áreas do hospital.


Em nota, a prefeitura detalhou que a paciente vinda de Cascavel começou a apresentar sintomas da doença em 7 de maio. No dia 11, ela precisou ser encaminhada ao Hospital Universitário de Maringá.


A paciente é diabética e tem problemas cardiovasculares. Ela continua internada na UTI do HU, entubada.


Conforme o comunicado, o Hospital Psiquiátrico de Maringá está interditado, sem receber pacientes ou visitantes.


“Medidas mais rigorosas de controle e prevenção estão sendo estudadas pela administração do hospital, município e estado”, informou a Prefeitura Municipal.


Em entrevista à CBN Maringá, o secretário de Saúde Jair Biatto diz que os seis casos confirmados foram incluídos no boletim epidemiológico de sábado, que surpreendeu pelo número de novos casos: 20.



Precisa sair de casa? Use máscara. Clique aqui e saiba por que ela é importante.


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui e participe do nosso grupo. Lembrando que apenas administradores podem enviar mensagens.


Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo