Fechar

Maringá

No domingo

Maringá terá manifestação em apoio a Moro e à prisão em 2ª instância

Publicado por Monique Manganaro, com informações da Agência Estado , 11:11 - 03 de Dezembro de 2019

Bloco de Imagem

Foto: Ilustrativa/Arquivo pessoal

Grupos de apoiadores do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, vão às ruas no próximo domingo (8), em Maringá, em defesa da prisão em segunda instância, questão também defendida pelo ministro. O ato, com pauta única, vai ocorrer na Praça da Catedral.


Recentemente, Moro afirmou ser contra deixar para 2020 a discussão sobre a prisão em segunda instância. Esse, porém, é o cenário mais provável no momento no Congresso, na medida em que o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), está costurando um acordo com líderes para aguardar a tramitação de uma proposta de emenda constitucional na Câmara dos Deputados. Na primeira manifestação contrária a esse acordo, Moro reafirmou que não é necessária PEC, e sim, projeto de lei, para promover a mudança, por meio da alteração do Código do Processo Penal.


"Eu gostaria de ver isso aprovado o quanto antes. Se for possível aprovar por um projeto de lei nesse ano, no Senado ou na Câmara, um tanto melhor. Por que a gente tem de esperar o ano que vem?", indagou Moro, em entrevista à Rádio Jornal do Commercio de Caruaru.

Bloco de Imagem

Foto: Divulgação/Movimento Patriotas do Brasil

A partir desse questionamento do ministro, grupos aliados decidiram organizar a passeata. Ações são previstas para acontecerem em todo o Brasil. 


De acordo com Cássia Franzoi, coordenadora do Movimento Patriotas do Brasil em Maringá, a manifestação é organizada por grupos da direita local e espera reunir, em média, cinco mil pessoas.


“Dependendo da quantidade de participantes, faremos nossa tradicional caminhada com a mega bandeira, normalmente descendo a [Avenida] Tiradentes e voltando ao local pela [Avenida] XV de Novembro”, explica Cássia.


Os manifestantes devem se reunir a partir das 14h. No local, um totem com a imagem de Moro ficará disponível para fotos. 

Bloco de Imagem

Foto: Divulgação/Movimento Patriotas do Brasil

Desta vez, no entanto, segundo a coordenadora, o “Super-Moro”, boneco inflável em homenagem ao ministro, não estará presente.


“Ele ficou conosco por dois anos. Atualmente, ele está em Brasília para as manifestações por lá”, diz Cássia.

Nas redes sociais, moradores de Maringá e de cidades da região confirmaram presença na manifestação. “Eu e minha família iremos em mais essa!”, confirmou um seguidor.


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo