Fechar

Política

R$ 5 mil

Projeto de lei quer multar quem soltar rojão com barulho, em Maringá

Publicado por Nailena Faian, 18:25 - 12 de Fevereiro de 2020

Um projeto que tramita na Câmara Municipal de Maringá quer alterar a lei que trata da proibição da soltura de fogos com estampidos na cidade. Além do poder público, a lei estende a proibição para a população.


Conforme o projeto do vereador William Gentil (PTB), “ficam proibidos o manuseio, a utilização, a queima e a soltura de fogos com estampidos e de artifícios, assim como de quaisquer artefatos pirotécnicos de efeito sonoro ruidoso no Município de Maringá”.


Quem infringir a lei terá de pagar uma multa de R$ 5 mil, dobrada em caso de reincidência.


O projeto aguarda parecer das comissões para poder seguir para votação.


 

Desde novembro de 2019, a lei 11.002/2019 proíbe a soltura de fogos com estampido, ou seja, barulho, nos eventos públicos. A lei é de autoria do vereador Flávio Mantovani (Cidadania). Com isso, a prefeitura cancelou os fogos de artíficio previstos para a virada do ano.


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui e participe do nosso grupo. Lembrando que apenas administradores podem enviar mensagens.

Bloco de Imagem

Foto: Ilustrativa/EBC

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo