Política

Na Catedral

Maringá terá ato de apoio a Bolsonaro no domingo

Publicado por Nailena Faian, com Folha Press, 14:42 - 14 de setembro de 2018

Bloco de Imagem

Bolsonaro esteve em Maringá em maio do ano passado. Foto: Divulgação

Maringá, assim como várias outras cidades do país, terá, no domingo (16), um ato de apoio ao candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL), esfaqueado na quinta-feira (6) durante um ato de campanha que fazia em Minas Gerais.


Em Maringá, a homenagem a Bolsonaro é organizada pelo grupo Patriotas do Brasil. Será às 9h30, em frente à Catedral, local em que o candidato passou em sua última visita à cidade, em maio de 2017.


“Vamos nos encontrar no mesmo local em que ele esteve em Maringá e com a mesma mega bandeira que ele segurou para gravar uma linda mensagem de apoio e enviar para Bolsonaro”, diz o convite nas redes sociais.


A líder do Patriotas do Brasil em Maringá, a advogada Cássia Franzoi, explica o motivo do ato. “É um ato de solidariedade a Bolsonaro, é contra a violência, ao radicalismo político e pela democracia”, afirma.


Vídeo mostra quando o candidato esteve em Maringá no ano passado.

Continua internado


Internado na Unidade de Terapia Intensiva do hospital Albert Einstein, Bolsonaro está estável e sem complicações no período pós-operatório, segundo boletim médico divulgado na manhã desta sexta-feira (14).


"Continua recebendo analgésicos para controle da dor, afebril e sem outros sinais de infecção. Durante o dia de hoje reiniciará fisioterapia -caminhada e exercícios respiratórios.


O candidato do PSL está em jejum oral e se alimenta através de uma sonda.


Nessa quarta-feira (12), Bolsonaro foi submetido a uma cirurgia de emergência que durou pouco mais de uma hora e foi bem-sucedido, segundo o hospital. Foram retiradas aderências que obstruíram o intestino delgado, e corrigida uma fístula surgida em uma das suturas feitas na operação inicial.


Bolsonaro está internado na instituição de São Paulo desde sábado (8), quando foi transferido da Santa Casa de Juiz de Fora (MG). Na quinta (6), Bolsonaro passou por uma complexa cirurgia após ser atacado com uma faca enquanto fazia campanha de rua.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo