Fechar

Policial

Mistério

Quem estava com Maria Glória na cachoeira de Mandaguari?

Publicado por Fábio Guillen, 18:18 - 27 de Janeiro de 2020

Bloco de Imagem

O corpo da jovem bailarina tinha sinais de violência sexual e marcas de estrangulamento, segundo a investigação - Foto: Reprodução Instagram

A Polícia Civil já tem fotos de pessoas que passaram pela cachoeira em Mandaguari no último fim de semana. Os investigadores trabalham agora para tentar identificar essas pessoas e ouvi-lás. A morte de Maria Glória Poltronieri Borges, 25 anos, ainda é cercado de mistérios.



“Nós já temos fotos de pessoas que estiveram com ela e agora essas pessoas precisam ser ouvidas. Elas são peça chave pra gente avançar nas investigações”, disse o delegado Diego de Almeida, de Maringá, ao GMC Online. Almeida está ajudando na investigação.



A Polícia Civil de Mandaguari juntou forças com equipes de Maringá para acelerar a investigação e chegar mais rápido ao autor ou autores do crime. O delegado, inclusive, não descarta a possibilidade de mais de uma pessoa ter envolvimento na morte de Maria Glória.



“O que nós temos de concreto até o momento é que ela chegou no local e ficou por alguns instantes pelo menos sozinha. Isso a dona da pousada nos confirmou. Precisamos saber e ouvir os demais que se encontraram com ela”, comentou o delegado.



Corpo da jovem teria sido encontrado pela irmã


O corpo de Maria Glória Poltronieri Borges teria sido localizado pela irmã da jovem. A informação foi dada por Claudiney Vecchi, tio de Maria Glória, em entrevista à CBN Maringá na manhã desta segunda-feira, 27.


Magó, como era chamada por familiares e amigos, tinho ido até a cachoeira Massambani, em Mandaguari, no sábado, 25, para acampar. De acordo com Vecchi, a jovem foi sozinha para o local, mas combinou com a mãe e com a irmã para almoçarem juntas no domingo.


Chegando ao local, a mãe e a irmã foram informadas que Maria Glória não era vista desde a tarde de sábado, por volta das 16h. Foi, então, que a irmã decidiu descer até a cachoeira para procurar a jovem, mas a encontrou morta.


Segundo Vecchi, existe a suspeita de que o crime tenha ocorrido no fim da tarde de sábado e que Maria Glória tenha lutado contra o agressor.


Maria Glória teria sido estrangulada


O corpo da jovem bailarina tinha sinais de violência sexual e marcas de estrangulamento, segundo a investigação. No entanto, os delegados que investigam o caso ainda aguardam o laudo final do IML para terem certeza se Maria Glória realmente foi abusada sexualmente. O laudo não tem prazo para ficar pronto.

Bloco de Galeria

Quer receber nossas principais notícias por Whatsapp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo