Fechar

Maringá

Em 11 meses

Quase 500 animais ganharam um lar com as 'Feiras de Adoção'

Publicado por Redação GMC, 15:31 - 01 de Novembro de 2018

Bloco de Imagem

Foto: Cary Bertazzoni/PMM

Em 11 meses, 473 cães e gatos conseguiram novos lares graças às 29 edições de “Feirinhas de Adoção”. O projeto é realizado pela Prefeitura de Maringá, juntamente com a Secretaria do Meio Ambiente e Bem-Estar Animal (Sema), com apoio de ONGs e protetores independentes.


Bob, Geremias, Pitoco, Pandora, Amora e Tica, são alguns dos 70 ‘bichinhos’ que ainda esperam por um lar. Durante as feiras, os possíveis adotantes devem levar documentos pessoais e passar por entrevistas para indicar as condições que o animal viverá. O procedimento faz parte da guarda responsável para certificar que o animal será bem tratado, segundo normas do termo de adoção. As feiras são realizadas quinzenalmente e mensalmente com a parceria de nove organizações não governamentais.

Bloco de Imagem

Segundo dados da Ouvidoria do Município (156), de agosto de 2017 até esta quarta-feira (31), foram recebidas 2.085 denúncias de maus-tratos a animais. O abandono de animais pode gerar multa de R$ 2 mil, podendo ser aplicada em dobro no caso de reincidência. A multa por condições impróprias é no valor de R$ 500.


Desde que a Lei nº 10.467 foi sancionada pelo prefeito Ulisses Maia (25 de agosto de 2017), a Prefeitura de Maringá, por meio da Sema, já foram aplicadas 31 multas de maus-tratos, uma por condições impróprias e 49 advertências, num total de R$ 62,5 mil reais.



Confira data e locais das próximas feirinhas de adoção


11 de novembro – 9h às 13 horas - sede Bem Estar Animal (avenida Laguna)
24 novembro – 11h30 às 16 horas - Shopping Avenida Center (av. São Paulo)
2 dezembro - 9h às 13 horas - sede Bem Estar Animal (avenida Laguna)
15 dezembro - 11h30 às 16 horas - Shopping Avenida Center (av. São Paulo)


Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo