Fechar

Maringá

Rodovias

No terceiro dia de protesto, são quase 30 bloqueios na região de Maringá

Publicado por Redação GMC,, 14:19 - 23 de Maio de 2018

Pelo menos 30 pontos em rodovias da região estão bloqueados por manifestantes. Já são três dias de greve de caminhoneiros contra o alto preço do diesel. O governo anunciou redução nos preços da gasolina e do diesel em suas refinarias. A partir desta quinta (24), o preço do diesel terá redução de 1,15% e passará a custar R$ 2,3083, de acordo com a estatal. O preço da gasolina cairá 0,62% e custará R$ 2,0306 o litro.


No entanto, em entrevista à rádio CBN Maringá, manifestante afirma que essa diminuição não acabará com os protestos.


Confira os pontos em rodovias onde há manifestantes:


Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, o trecho municipal da PR-317, Avenida Morangueira, entre Maringá e Iguaraçu e Santa Fé e Iguaraçu continua com trânsito lento por causa das manifestações. Ainda na PR-317, há bloqueio em Santo Inácio, divisa com São Paulo.


Há protestos também na PR-323, entre Paiçandu e Doutor Camargo, entre Cruzeiro do Oeste e Umuarama, entre Jussara e Cianorte e Cruzeiro do Oeste e Tapejara. Na PR-218, entre Atalaia e Iguaraçu; no trevo de Astorga e Jaguapitã e próximo a Querência do Norte.


Também há manifestações na PR-082 entre São João do Ivaí e Ivaiporã, PR-546 entre Itambé e Floresta e PR-487 entre Campo Mourão e Pitanga. Na PR-463 entre Colorado e Paranacity. Na PR-489 entre Xambre e Umuarama. Na PR-542 em Itaguajé, divisa com São Paulo. Na PR-498 entre Presidente Castelo Branco e Floraí. Na PR-158 entre Peabiru e Campo Mourão. Na PR-485 entre Casa Branca e Alto Paraíso e na PR-468 em Mariluz.


Nas rodovias federais da região, a Polícia Rodoviária Federal informa que continuam as manifestações na BR-376 em Mandaguaçu, Nova Esperança, Paranavaí, Mandaguari e Marialva. Há manifestações também na BR-369 em Arapongas, Cambé e Mamborê.


De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, os protestos interditam no máximo meia pista e o trânsito é livre para veículos leves, emergenciais e com cargas perecíveis.


Com Agência Brasil

Bloco de Imagem

Manifestação na BR-376 nessa terça (22) (Foto: divulgação/PRF)

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo