Fechar

Maringá

provopar

Maringá: 35% das roupas doadas são descartadas por más condições

Publicado por Luiz Santos, 08:12 - 10 de Novembro de 2019

Bloco de Imagem

Foto: Ilustrativa/Prefeitura de Sapiranga

O Provopar de Maringá recebe doações de roupas, móveis e alimentos durante todo o ano. O problema é que algumas pessoas não se atentam a qualidade dos itens doados e aí parte deles tem que ser descartada.


Rosangela Danielides, diretora administrativa da associação civil, explica que houve uma piora no quadro neste ano. "Na Campanha do Agasalho de 2018 tivemos que descartar cerca de 15% das roupas. Já em 2019 este número aumentou para 35%", comenta.


O estado de algumas peças é bem ruim, segundo a diretora. "Vem muita coisa suja e rasgada, sem condições nenhuma de uso. É muito triste isso", afirma Rosangela.


Conforme a diretora, as roupas masculinas são as que mais chegam em mau estado. "As roupas femininas e infantis geralmente são doadas em condições melhores", relata.


Rosangela explica que, no caso do vestuário, ainda há algumas destinações possíveis. "Nós encaminhamos essas roupas que não serão entregues a pessoas para ONG's da causa animal, que as colocam nos canis para aquecer os bichinhos no frio", comenta a diretora.


A lição que fica é a importância da conscientização sobre a doação e o descarte. "As pessoas devem pensar que é indigno querer doar coisas que não têm as mínimas condições de serem usadas."

Sobre os móveis, Rosangela destaca que a situação é ainda pior. "Muitas vezes nós nos mobilizamos para ir buscar algum mobiliário na casa de alguém, chegamos e vemos que são coisas que, na verdade, a pessoa queria descartar", analisa.


Por causa disso, o Provopar agora realiza uma triagem antes de ir até o local. "Estamos pedindo foto dos móveis para verificar o estado", explica a diretora.


Apesar do panorama geral, Rosangela afirma que em relação aos alimentos a situação é menos desoladora. "Apenas 1% das doações de mantimentos que recebemos tem que ser dispensada, é um número bem baixo", diz.


Para mais informações sobre doações entre em contato pelo telefone (44) 3221-1508.


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo