Fechar

Maringá

Tecpar

Chamada para o Parque Tecnológico de Maringá vai até 31 de julho

Publicado por AEN, 16:20 - 03 de Junho de 2019

Empresas interessadas em se instalar no Parque Tecnológico de Maringá podem apresentar suas propostas até o dia 31 de julho.


O empreendimento é uma iniciativa estratégica do Governo do Estado, por meio do Instituto Tecnológico do Paraná (Tecpar), para fortalecer a capacidade industrial e tecnológica da região de Maringá, especialmente na área da saúde.


O edital completo está disponível no endereço eletrônico: www.tecpar.br/chamamento_publico_001-2019/.


O diretor-presidente do Tecpar, Fábio Cammarota, explica que são bem-vindas a se instalarem empresas de espectro tecnológico, da indústria, comércio e serviços, que queiram desenvolver inovações e tecnologias, tendo o Governo do Estado como um parceiro apoiador.



“Nosso objetivo é que este parque tecnológico seja referência na área de inovação para o país, e um propulsor para a economia regional. A previsão é de geração de cerca de 500 empregos diretos e indiretos para a região”, afirma o diretor-presidente.



Além disso, segundo Cammarota, o parque estimula a transferência de tecnologia para o Estado, já que uma das exigências para uma empresa se instalar é desenvolver pesquisas e novos produtos em parceria com o Tecpar.



“O Tecpar tem a responsabilidade, também, de pensar na saúde humana e animal, em como avançar nas pesquisas científicas e apoiar a modernização do Paraná. Não se trata de mais do uma modalidade de investimentos, mas de um direcionamento para que, em longo prazo, o espaço seja usado para o crescimento industrial, empresarial e de capital humano da região”, afirma.



Requisitos


O chamamento público é o primeiro passo do processo para a instalação das empresas no Parque Tecnológico do Tecpar, campus Maringá. É uma etapa de pré-qualificação, da qual podem se candidatar pessoas jurídicas de base tecnológica, nacionais ou estrangeiras, isoladamente ou em consórcio.


As propostas de pré-qualificação passarão por avaliação técnica, jurídica e financeira, feitas por uma Comissão Especial de Licitação do Tecpar, que também verificará se os itens exigidos no edital foram atendidos. A data prevista para a divulgação dos resultados da pré-qualificação é o dia 06 de agosto de 2019. Em seguida, será aberta a concorrência pública, voltada para as empresas aprovadas na pré-qualificação. Os contratos serão firmados somente com as empresas aprovadas em todas as etapas.


Estrutura


O parque oferecerá infraestrutura compartilhada e de serviços, com o objetivo de contribuir para um ambiente adequado à execução do projeto de pesquisa, desenvolvimento e inovação.


Entre os itens ofertados estão: serviço de segurança e vigilância; jardinagem e paisagismo, manutenção; limpeza e conservação das vias públicas; prédios e instalações de uso comum e compartilhado; coleta de resíduos sólidos; refeitório de uso compartilhado; área para eventos e treinamentos; centro de distribuição, entre outros.


Iniciativa


O lançamento do parque tecnológico foi anunciado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior durante a Expoingá, em maio.


A iniciativa atende a mobilização da sociedade civil regional, liderada pela Prefeitura de Maringá e pela Associação Comercial e Empresarial de Maringá.


A partir deste empreendimento, o Tecpar, por meio do Governo do Estado e do Governo Federal, estima investir R$ 80 milhões em soluções que atenderão a saúde pública brasileira, em especial para o tratamento de alto custo para o país.

Bloco de Imagem

Foto: Divulgação/AEN

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo