Fechar

Volei

Vôlei de Praia

Arthur/Adrielson, de Maringá, se 'despedem' com título do Challenger

Publicado por Chrystian Iglecias, 17:40 - 19 de Agosto de 2019

Bloco de Imagem

Arthur Lanci e Adrielson no lugar mais alto do pódio. Foto: Reprodução/Instagram

A dupla de ouro da Associação Maringaense de Vôlei de Praia (AMVP) terá de se separar pela segunda vez. Ao menos, a "saideira" veio com mais um título. Neste fim de semana, Arthur Lanci/Adrielson subiram no lugar mais alto do pódio, possivelmente, pela última vez juntos. Eles foram os campeões da temporada 2019 do Circuito Brasileiro Challenger, uma espécie de divisão de acesso para o Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia Open, o principal torneio nacional da modalidade.


A última das quatro etapas do Challenger foi realizada em Teresina, e os atletas da AMVP conquistaram a medalha da prata em solo piauiense, neste domingo (18). Isso porquê Adrielson teve problemas físicos e teve que desistir da final, assim como na etapa de Maringá, no mês passado. Com dois vices e o título da etapa de Recife (PE), ninguém somou mais pontos do que Arthur e Adrielson. O primeiro, inclusive, sagrou-se bicampeão do torneio.


Arthur/Adrielson somaram 360 pontos pela prata em Teresina, chegando aos 1.320 pontos no ranking geral, contra 1.280 de Harley/Luciano (DF/ES). A disputa de bronze não aconteceu, já que Harley sofreu uma lesão nas costas e não tinha condições de atuar. Com isso, Ramon Gomes e Eduardo Davi (RJ/PR) venceram por W.O.


Apesar de disputarem o Challenger, Arthur, 23, e Adrielson, 22, já disputam o Open e, inclusive, foram segundo e terceiro colocados, respectivamente, na última edição, ao lado de Hevaldo e Eduardo Davi. Agora, Arthur "se divorcia" de Adrielson para jogar ao lado do mato-grossense Saymon.


"São garotos formados na nossa base e fazem parte desse nosso processo de captação e preparação para levá-los a outro rendimento. Hoje, eles já são uma realidade no alto rendimento. Na realidade, os dois jogam na mesma posição, são defensores. Colocamos eles juntos porquê tecnicamente eles são muito bons, fisicamente também. Só que ambos necessitam, para dar voos mais altos ainda, jogar com bloqueadores, com um perfil de bloqueio, já que nosso objetivo é disputar uma Olimpíada em 2024. Esse é o motivo deles não continuarem juntos", explicou o técnico da Associação Maringaense de Vôlei de Praia (AMVP), Robson Xavier.


Juntos, Arthur Lanci e Adrielson Silva lideraram o ranking brasileiro sub-19 e sub-21 de 2013 a 2016, vencendo inúmeras etapas do circuito. Ambos são campeões mundiais sub-21, porém não como dupla. Vale lembrar, também, que Arthur e Adrielson, assim como Ingridh Louise e Juliana Simões, estão representando Maringá no prêmio Craque da Galera da temporada 2019 do Circuito Brasileiro Open. Para votar nos maringaenses, basta clicar AQUI.


 

Bloco de Imagem

Arthur/Adrielson (esq.) com a prata da etapa de Teresina. Foto: Divulgação/CBV

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo