Fechar

Futebol

Negociação

Corinthians busca contratação do centroavante argentino Mauro Boselli

Publicado por Folhapress, 08:25 - 24 de Dezembro de 2018

O centroavante argentino Mauro Boselli, de 33 anos, do León, do México, está na mira do Corinthians, que passou a buscar a contratação nos últimos dias. O jogador entrou na pauta do clube paulista após a equipe mexicana enfrentar dificuldades em renovar o contrato com o atleta. A negociação evoluiu neste fim de semana.


A informação foi divulgada inicialmente pelo Globoesporte.com e confirmada pela reportagem. Boselli tem vínculo com o León até junho do ano que vem, mas não aceitou a proposta de renovação.


Diante da situação, o León busca uma compensação financeira para liberar o jogador. Além do Corinthians, o Grêmio também sondou a situação do centroavante nos últimos dias.


Jogador do Léon desde a metade da temporada 2013, com 130 gols marcados em 221 jogos, Boselli também virou alvo de três equipes mexicanas nas últimas semanas. São elas: América, Atlas e Toluca. O jogador foi revelado pelo Boca Juniors e ganhou a Libertadores de 2007 pelo clube. Dois anos depois, ele repetiu a dose com a camisa do Estudiantes, marcando o gol do título na final diante do Cruzeiro, no Mineirão - na ocasião, o centroavante terminou a competição como artilheiro, com oito gols.


O Corinthians tem hoje dois centroavantes no elenco: Roger e Jonathas (recentemente, o clube alvinegro emprestou Matheus Matias ao Ceará). Além disso, Gustagol, que se destacou pelo Fortaleza este ano, deve voltar ao clube após empréstimo.


A posição de centroavante foi o maior calcanhar de aquiles da equipe na atual temporada. Artilheiro em 2017, Jô foi vendido ao futebol japonês em dezembro passado. Desde então, o Corinthians passou a encontrar dificuldades ofensivas e até mudou o esquema tático na campanha do título paulista de 2018, do 4-2-3-1 para o 4-2-4.


Foto da capa: Erik Teixeira/Raw Image/Folhapress

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo