Fechar

COLUNISTAS

Temporada 2018/19 chega ao fim

Player

Publicado por De olho no céu, por Acácio Cordioli, 18:00 - 26 de de 2019

Com o fim do verão no último dia 20, tambem chegamos ao fim da temporada 2018/19 de tempestades no Hemisfério Sul.


A temporada para nós caçadores de tempestades corresponde ao período entre a primavera e verão, época em que a atmosfera se encontra no seu ápice de instabilidade, favorecendo a formação de temporais.


Esta que foi minha sétima temporada, foi marcada por vários temporais, mas também por meses atípicos, com um bloqueio atmosférico em pleno mês de janeiro. Porém, a temporada, no geral, foi bem produtiva, vamos ao resumo!


Setembro: o primeiro mês da temporada não tem um histórico muito bom, por ser ainda uma época de transição entre o inverno e a primavera. Nos últimos anos registrei apenas um temporal no mês, mas não foi o caso dessa vez.

Outubro: felizmente as coisas melhoraram, ao menos na segunda quinzena, quando realizei as melhores interceptações da temporada nos dias 17 e 18.

Fotos 01

Novembro: este foi o mês mais atípico. Começou bem promissor com a formação de uma incrível nuvem funil no dia 4 e uma bela tempestade de poeira no dia 14, porém foi só. Um mês que tem histórico de ser um dos mais ativos, contar com apenas duas tempestades para registrar foi bem abaixo do esperado.

Fotos 02

Dezembro: infelizmente teve um início semelhante ao mês de novembro, com temporais abaixo do esperado. Alguns temporais foram registrados no entorno da cidade, mas nada severo. O destaque do mês foi o temporal do dia 20, quando registrei uma intensa microexplosão na zona rural da cidade.

Fotos 03

Janeiro: teve uma primeira quinzena bem empolgante com formações diversificadas, como uma incrível tempestade de alta precipitação no dia 4 e a formação de uma super célula de baixa precipitação no dia 5. No dia 7 houve a formação de uma impressionante nuvem Scud e no dia 9 foi a vez de um gustnado dar o ar da graça.


Em seguida, registrei a tempestade mais severa da temporada, quando uma microexplosão atingiu parte do leste da cidade e o município de Sarandi no dia 14, causando muitos estragos.


Mas o mês praticamente terminou aí. Após esses dias, um intenso bloqueio atmosférico pairou sobre o estado inibindo a formação de temporais.

Fotos 04

Fevereiro: iniciou ainda sobre efeito do bloqueio atmosférico, tendo uma pancada de chuva apenas no dia 6. Porém, temporal mesmo, só no dia 18. O fim deste mês foi marcado pelo temporal noturno do dia 25.

Foto 05

Março: o último mês da temporada teve início semelhante ao mês de fevereiro, sendo registrado temporais noturnos nos dias 7, 9 e 12. No entanto, a temporada se despediu com uma semana muito proveitosa como falei aqui no post da semana passada.

Fotos 06

Mas vale lembrar que não é por que terminou a temporada de tempestades que elas irão parar. Na disso! Abril costuma ser um mês bem movimentado também. Por isso seguimos de olho! 

Para finalizar segue uma playlist do meu canal no Youtube com os temporais registrados nessa temporada. 

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo